Blog Tudo e Todas

Chegou o verão: mude os hábitos e fuja do sedentarismo

Comportamento por: Taiane Kussler em: 03/02/2018 | 16:00

Quando o ano inicia, muitos projetos que antes estavam apenas no papel ganham um outro significado. Começar uma dieta, viajar mais, mudar de emprego, fazer uma especialização e praticar atividades físicas, algumas vezes, são listados no topo das metas. Porém, não basta apenas programar, é hora de colocar em ação estes objetivos pessoais e profissionais ~ é preciso prometer para si mesmo e correr atrás do resultado ~.

A maioria das vezes, a saúde fica em segundo plano, mas a qualidade de vida deve estar aliada a todas as outras metas.  Para quem tem hábitos sedentários e não pratica nenhuma atividade física, é hora de rever seus conceitos. Deixar o sedentarismo para trás é um excelente plano, mas alguns cuidados são necessários nesse início.

***

Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), o sedentarismo é quarto maior fator de risco de mortalidade global no mundo, favorecendo o surgimento e o agravamento de uma série de doenças, como as do coração, o diabetes e o câncer. Para ajudar a melhor a qualidade de vida das pessoas, a Care Plus preparou algumas dicas:

1. Encontre seu ritmo

A prática de exercícios, de intensidade moderada, durante meia hora por dia é suficiente para deixar de ser sedentário. Esses 30 minutos podem ser contínuos ou divididos em três períodos de 10 minutos cada.

Um minuto de atividade física intensa é igual a 2 minutos de atividade moderada.

De acordo com o United States Departament of Health and Human Services, é importante que os adultos pratiquem duas horas de musculação, por semana, além dos 30 minutos de caminhada por dia.

Para crianças e adolescentes o ideal são 60 minutos de atividade aeróbica por dia (recreativa), três vezes por semana e de grande intensidade.

Grau de atividade:

Moderada: caminhada em ritmo acelerado, hidroginástica, passeio de bicicleta e jogo de tênis em dupla.

Intensa: corrida, natação, basquete e ciclismo.

2. Tenha paciência e seja persistente

O mais importante é praticar uma atividade que se adapte ao estilo de vida e seja agradável para si mesmo. Caso contrário, são muitas as chances de interrupções. 

3. Seja mais ativo no dia a dia

Pequenas mudanças de comportamento no dia a dia, como subir escadas, descer do ônibus um ponto antes e caminhar até o trabalho, passear com cachorro e lavar o carro, podem ajudar a se movimentar mais e servir como um estímulo para o início de uma atividade física diária.

***

Conheça os benefícios da atividade física

Os efeitos benéficos da atividade física são observados em pessoas que se exercitam com regularidade. Aqueles com índice de massa corporal (IMC) entre 25 e 30 (sobrepeso) que se exercitam regularmente, podem ter um risco menor de desenvolver diabetes e outras doenças metabólicas do que os sedentários.

A atividade física melhora a sensação de bem-estar, melhora do humor, diminui a ansiedade e a probabilidade de depressão, por liberar serotonina, hormônio conhecido como a "molécula da felicidade".

Outros benefícios: diminuição do apetite, emagrecimento, enrijecimento dos músculos, melhora da imunidade e retardo do envelhecimento.

Que tal começar agora mesmo? Exercite-se!

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais