Blog Tudo e Todas

Como manter os laços com o Brasil morando no exterior

Viagem por: Ananda Etges em: 17/11/2017 | 14:00

Morar com filhos longe da família e do nosso país de origem é um grande desafio. No processo de mudança para o exterior a preocupação é com a nova língua e diferenças culturais.

Contudo, com o passar do tempo, a situação se inverte. Isso porque os novos hábitos passam a ser incorporados na rotina e surge uma outra questão: como manter os laços com o Brasil a milhas e milhas de 'casa'?

Foto: Arquivo Pessoal / Tudo & TodasA dupla com a
A dupla com a 'mão da massa' do pão de queijo

As celebrações não são mais as mesmas, nem os feriados. A gente se pega preparando a casa para o Halloween, comendo fish and chips no domingo. O chimarrão do fim da tarde é substituído gradualmente por uma xícara de chá. A lição das crianças passa a ser sobre a coroação da Rainha Elizabeth. Nada de 7 de setembro, nem Revolução Farroupilha. Todas as referências vão mudando.

Foto: Arquivo Pessoal / Tudo & TodasClara e Vítor vivenciaram intensamente a cultura do Halloween
Clara e Vítor vivenciaram intensamente a cultura do Halloween

Diante disso comecei a me dar conta que meus filhos não vão cantar Ciranda Cirandinha, conhecer o Sítio de Monteiro Lobato ou ler os gibis da Turma da Mônica. Não vão pedir brigadeiro e pastel no aniversário, nem cantar 'Parabéns a Você'. Quer dizer... Vão sim. Mas vai depender de mim para que isso aconteça.

Manter os laços não só com as pessoas que ficaram no Brasil, mas também com toda história e cultura do país, é um esforço contínuo enquanto estivermos do outro lado do oceano. E para tal desafio temos algumas dicas do que percebemos com a nossa vivência.

Como manter os laços com o Brasil morando em outro país?

- Contar histórias: o Vítor e a Clara adoram ouvir histórias de quando eu era criança. Conto sobre a minha infância, brincadeiras favoritas, pequenas anedotas.

- Ler livros em português: temos alguns livros em português em casa e intercalamos com as leituras em inglês. Entre os favoritos das crianças está um sobre a Amazônia. Na lista de 'queridinhos' para este Natal está o '50 brasileiras incríveis para conhecer antes de crescer'.

- Reproduzir brincadeiras: muitas brincadeiras não demandam nada além de imaginação ou objetos que temos em qualquer lugar do mundo, como papelão, tecido, papel, tesoura, etc. Então, a dica é reproduzir brincadeiras que fazem parte da infância dos pais e que de alguma forma falam sobre a cultura e tradição brasileira, como as cantigas de roda.

Foto: Arquivo Pessoal / Tudo & TodasCom criatividade, dá para reproduzir muitas brincadeiras
Com criatividade, dá para reproduzir muitas brincadeiras

- Cozinhar pratos típicos: alguns ingredientes para receitas brasileiras podem ser mais difíceis de achar, mas de modo geral é possível cozinhar no exterior com pequenas adaptações pão de queijo, feijoada, brigadeiro e muitas outras delícias. Alguns lugares também possuem mercados brasileiros, o que pode ser como um 'portal' de saudade se abrindo na sua frente. Chame as crianças para cozinha e faça a festa!

- Ficar de olho em oportunidades de eventos com a comunidade brasileira: diversas cidades pelo mundo possuem uma comunidade brasileira forte e ativa, inclusive promovendo eventos, mostras culturais e festas, como Festa Junina, Carnaval, etc. As embaixadas brasileiras também costumam ser bem ativas na parte de identidade cultural. Então, aproveite oportunidades assim para envolver a família e até conhecer outros brasileiros perto de você.

Espero que as dicas sejam úteis para quem tenta driblar a saudade e manter a ligação entre pequenos brasileirinhos espalhados pelo mundo com o lugar que chamamos de 'casa'.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais