Espanha: O que conhecer e o quanto vou gastar?

Viagem por: Ana Carolina Becker em: 28/04/2018 | 19:00

Desde que chegamos aqui, em fevereiro, já pensávamos em aproveitar o nosso maior feriado, o de Páscoa, para fazer a primeira trip pela Europa. Teríamos cerca de dez dias livres e era o momento para colocar a cara no mundo. O destino escolhido foi à Espanha com um roteiro por cinco cidades de tirar o fôlego. (Onde aperta pra voltar?)

Antes mesmo de sairmos de casa, construímos uma lista dos pontos turísticos nas cidades pelas quais passaríamos: Madrid, Toledo, Múrcia, Valência e Barcelona, mas muitos encontros precisaram ser feitos até que tudo estivesse definido. Afinal, não é fácil agradar um grupo de onze mulheres, cada uma com sua personalidade para dar um "gostinho" especial à viagem que resultou em muita bagagem cultural e histórias. Na lista de locais para visitar estavam parques, prédios arquitetônicos, praças, ruelas, restaurantes e bares característicos.

Se você está pela Europa ou no Brasil planejando uma viagem à Espanha a dica é para que não deixe de visitar alguns pontos super conhecidos, além de degustar pratos típicos, como a paella valenciana e o pastel de Múrcia. Ahhh, sem esquecer-se de beber muita sangria.

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasOnze meninas e um destino em comum: a Espanha.
Onze meninas e um destino em comum: a Espanha.

# Se liga nos valores

Transporte

Você deve estar se questionando se é caro viajar para a Espanha, mas tudo depende do quanto você está disposto a desembolsar. Nossa intenção era de não gastar muito, mas também não deixar de fazer as coisas em função dos valores. A nossa média de gasto foi de 400 euros com "all incluse".

Começamos "arrancando" com passagens áreas pelas companhias Ryanair e Vueling mais em conta. Compramos a de ida por 19 euros e a de volta (sempre mais carinha) por 40 euros. Talvez se tivéssemos optado por outra época, teríamos conseguido a volta mais em conta, mas como escolhemos o período da Páscoa, isso acabou interferindo um pouco. Viajar com as companhias lowcost dentro da Europa é sempre uma boa opção, sem contar que elas oferecem bons serviços aliados a preços acessíveis.

O recado é: Sempre tentem descontos. Conseguimos as passagens de ônibus de Leiria para o Porto e de Lisboa para Leiria pela metade do valor pela Rede Expressos com a criação de um cadastro e compra com antecedência de cinco dias. A de ida custou oito euros e a de volta 6.40. (É sempre importante buscar pelos descontos. Aqui é comum. Conseguimos utilizar, inclusive, a carteirinha de estudante da Univates para metade do preço em uma passagem de ônibus para Valência).

Uma das vantagens de viajar em grande grupo são os descontos ofertados nos tickets de metrô. Na prática, as mais caras são as que levam do aeroporto até o centro da cidade, por exemplo. As linhas internas de metrô e ônibus costumam ser mais em conta, é sempre importante estar ligado nos valores de cada um dos meios de transportes para colocar na ponta do lápis o que compensa mais.

Hospedagem

A maioria das nossas hospedagens foi em hostel, exceto uma que foi em um hotel na cidade de Múrcia. Optamos por reservar e fazer o pagamento de forma adiantada, sem contar que alguns locais só garantem a marcação mediante pagamento prévio. Escolhemos instalações mais centrais para que pudéssemos nos deslocar a pé e dessa forma ir conhecendo cada canto das cidades pelas quais passássemos. De fato, essa escolha resultou em boas acomodações que nós recomendaríamos para qualquer pessoa que queira estar bem localizado nas cidades espanholas.

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasLEG: Em Barcelona, por exemplo, nosso hostel era super localizado e tinha visto para a Torre de Glòries
Em Barcelona, por exemplo, nosso hostel era super localizado e tinha visto para a Torre de Glòries

***

Para algumas das meninas foi a primeira vez que ficaram em hostel. Uma das vantagens desses locais é a quantidade de pessoas que se conhece e as experiências que são trocadas. Sou super a favor dessas hospedagens compartilhadas, pois esse é um dos fatores que dá ainda mais emoção a viagem.

Acabamos economizando na hospedagem porque alguns dos deslocamentos entre uma cidade e outra foram feitas à noite, item indispensável para quem quer sentir o gostinho de ser aventureiro. (Mas que pode se tornar cansativo quando o corpo requer uma noite bem dormida depois de alguns quilômetros caminhados ao longo do dia).

Alimentação

Não deixe de experimentar as comidas típicas das cidades que conhece. Não deixamos de fazer isso, mas também optamos por refeições práticas em função dos roteiros de visitação. Assim como os demais países, a Espanha também possui uma rede de supermercados famosa e dona de bons preços. O Mercadona, no caso do país espanhol, é um dos estabelecimentos mais utilizados pelos moradores e turistas. Escolhemos a rede para fazer grande parte das compras para os nossos lanches já que as refeições eram feitas entre a visitação a um ponto turístico e outro.

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasLEG: Provamos a Paella Valenciana de frango, mas podes encontrar de diversos sabores, entre as mais tradicionais está a de frutos do mar
LEG: Provamos a Paella Valenciana de frango, mas podes encontrar de diversos sabores, entre as mais tradicionais está a de frutos do mar

# Não deixe de provar a paella valenciana. O prato, característico do local, pode ser encontrado em diversos restaurantes e por preços de variam de 8 a 20 euros, às vezes, ainda acompanhados de uma sangria.

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasO pastel de Múrcia é feito de massa folhada e tem como principais ingredientes a carne, o chouriço e ovo.
O pastel de Múrcia é feito de massa folhada e tem como principais ingredientes a carne, o chouriço e ovo.

 

# Está com saudade do pastel do Brasil? O pastel de Múrcia é super tradicional, não lembra o pastel brasileiro, mas ameniza um pouco a saudade porque é feito de carne, tem ovo e chouriço.

 

Se for à Espanha, não deixe de visitar:

Quando comprar a passagem para o país espanhol, é importante já listar os locais que quer conhecer para adquirir os tickets de acesso porque eles custam ter grande procura e esgotar com facilidade, principalmente, em feriados.

 

***

 

Em Madrid

- Palácio Real de Madrid
- Templo de Debod
- Plaza Mayor
- Mercado de San Miguel
- Estadio Santiago Bernabéu

 

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasTemplo de Debod
Templo de Debod

 

Em Valência

- Estación de tren de Valencia Estació del Nord e
- Ciudad de las Artes y las Ciencias

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasFOTO: Estación de tren de Valencia Estació del Nord
Estación de tren de Valencia Estació del Nord
Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasCiudad de las Artes y las Ciencias1
Ciudad de las Artes y las Ciencias1
Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasCiudad de las Artes y las Ciencias2
Ciudad de las Artes y las Ciencias2

Em Múrcia

- Catedral de Múrcia
- Puente de los Peligros

 

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasMúrcia
Múrcia

 

Em Toledo

- Mirador Del Valle
- El Greco Museum

 

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasToledo
Toledo

 


VIDEO: Video_toledo

Em Barcelona

- Parque Guëll
- Casa MIlà
- Casa Batlló Gaudi
- Parque de Montjuic
-La Sagrada Família
- Estadio Camp Nou
- La Rambla
- Arco de Triunfo
- Torre de Glòries

Foto: Divulgação / Tudo & TodasLa Pedrera Casa Mila
La Pedrera Casa Mila

 

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasCasa Batlló Gaudi
Casa Batlló Gaudi
Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasFont Mágica de Montjuic Barcelona
Font Mágica de Montjuic Barcelona
Foto: Arquivo pessoal / Tudo & Todas Park Güell
Park Güell

 

Foto: Arquivo pessoal / Tudo & TodasSagrada Família
Sagrada Família

DICA: Não leve tanta coisa na mala

Para mulher é sempre difícil fazer a mala, mas na viagem à Espanha fui apenas com um mochilão de 45 litros, onde a companhia área permitia apenas dez quilos. A quantidade de peças e peso da mochila pode variar conforme a estação do ano que você viaja e também como são as políticas de hospedagens dos locais onde você irá ficar. Na trip pela Espanha conseguimos deixar nossas coisas nos hostels antes de fazer o check-in e depois do check out até um determinado horário.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais