Miss RS Latina: Lidiane Klein aposta na desconstrução de estereótipos

Entretenimento por: Thalia Schulz em: 22/09/2017 | 20:00

Foto: Divulgação / Tudo&Todasb

 

Desconstruir o estereótipo machista que ainda cercam as mulheres latinas é um dos desafios diários encontrados pela Miss Passo Fundo, Lidiane Klein, 27 anos.

Ainda há um conceito de que mulheres bonitas não podem ser inteligentes, assim muitas são taxadas como incapazes e acabam sendo prejudicadas, principalmente em seus ambientes de trabalho.'

A modelo e professora acredita que um dos papeis de miss é rebater e mudar esses pré conceitos vindos de uma sociedade antiquada.

Como miss, um dos meus deveres é ajudar a muda isso mostrando que inteligência e beleza podem, sim, andar de mãos dadas e que uma Miss precisa de muito conteúdo para chegar onde chegou!'

Foto: Divulgação / Tudo&Todasj

Lidiane afirma, também, que é possível usar a voz que o Miss Rio Grande do Sul Latina dá, para representar e empoderar muitos. Ela diz que pretende representar muito bem não apenas sua cidade, mas todo o estado.

Foto: Divulgação / Tudo&Todash

É muito importante pensarmos na representatividade que uma miss tem, sendo capaz de interferir e influenciar na formação de imagem pessoal de centenas de mulher. Por isso, precisamos empoderar cada vez mais através do exemplo e das atitudes.'


Considerando que muitos países latino-americanos ainda se deparam com diferentes tipos de preconceito como machismo, pobreza e desigualdade social. Contudo, o Miss Latina busca encontrar uma mulher com força e valores que vão contra essas opressões. Vendo isso, a representante de Passo Fundo diz que quando se torna uma miss, a mulher passa a ser uma figura pública, com visibilidade e representividade.

Por isso, devemos nos valer disso para fazer o bem, tendo engajamento social e político com atitudes corretas em nosso dia a dia. Precisamos combater tanto o machismo quanto a pobreza e a desigualdade social, partindo e desenvolvendo campanhas, debates, movimentos e projetos sociais, exercendo assim a cidadania e solidariedade.'

Foto: Divulgação / Tudo&Todash

 

Lidiane cita: 'como diz a frase de Gandhi : "Temos de nos tornar a mudança que queremos ver."

Uma coroa que agrega experiências

A miss já participou de outros concursos e ao longo do tempo conquistou diversos títulos. Por isso, a jovem sabe o poder e a representatividade de uma coroa.

No Miss Rio Grande do Sul Latina, Lidiane espera ganhar novas experiências e amizades.

Com toda essa incrível vivência com certeza me tornarei uma pessoa mais completa!'

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais