Blog Tudo e Todas

Outubro Rosa Pet, preserve a vida de quem vive por você!

Bichos & Eu por: Daniela Lehmen em: 19/10/2017 | 11:20

Você sabia que o câncer de mama, doença alvo do Outubro Rosa, não acomete exclusivamente os humanos? Os pets também são atingidos!

Os tumores mamários representam 50% dos tumores que acometem cadelas, podendo acometer também os felinos e cães machos.

O diagnóstico ocorre principalmente através da observação e palpação dos nódulos mamários. Com o crescimentos dos tumores, o animal pode apresentar dor, secreção mamária e feridas nas mamas. Assim que o proprietário visualizar algum desses sinais, deve levar seu animal ao médico veterinário, para que seja investigado o tipo de tumor, investigue se existe alguma metástase e consequentemente realize a conduta correta.

O tratamento pode contar com cirurgia para a retirada da massa tumoral e quimioterapia. O tratamento correto e completo da doença é importante para que não ocorram metástases. Os animais geralmente não respondem com tantos efeitos colaterais as sessões de quimioterapia, como ocorre nos humanos, eles não perdem os pelos na maioria dos protocolos quimioterápicos utilizados. Além disso são raros os casos de mal estar considerável nos animais de estimação após quimioterapia.

A principal causa do aparecimentos desses tumores é a utilização de contraceptivos, que evitam que as cadelas e gatas entrem no cio ou abortivos. Além disso, a pseudociese (gravidez psicológica) também é um fator que eleva a chance de ocorrer tumor mamário.

Desta forma, é muito importante a prevenção desse câncer, que pode ser realizada através da castração, devendo ser preconizada antes do primeiro cio das cadelas. A palpação realizada pelos tutores também se torna uma forma importante de detecção precoce, e realização das devidas medidas sem uma evolução da doença.

De voz a eles, que tanto esperam por você! 

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais