Blog Tudo e Todas

Popularização do futsal feminino passa pelo incentivo na escola e campeonatos regionais

Esportes por: Débora Kist em: 14/05/2018 | 11:04

Foto: Divulgação / J30 Eventos EsportivosJéssica participa da Copa Monte há cerca de cinco anos
Jéssica participa da Copa Monte há cerca de cinco anos

No país do futebol, e já também do futsal, ver mulheres praticando o esporte ainda parece estranho ao olhar de muitos. Para se ter uma ideia da dificuldade que as mulheres tinham para jogar, a prática desses esportes foi oficializada apenas em 1983, pelo Conselho Nacional de Desportos. O primeiro campeonato feminino oficial organizado pela Confederação Brasileira de Futsal ocorreu em 1992 e contou com a participação de 10 equipes indicadas por suas respectivas federações. A partir daí, o esporte começou a se popularizar cada vez mais e atrair mais adeptas, que passaram a contar, a partir de 2003, com uma Seleção Nacional.

Muito dessa popularização e crescimento tem como base importante o incentivo na escola e em campeonatos menores, muitos deles organizados na região ou municípios. Em Venâncio Aires, um campeonato já tradicional é a Copa Monte de Futsal, promovida pela empresa J30 Eventos Esportivos.

Conforme Jarles Dreissig, um dos organizadores, neste ano, a Copa Monte chegou à 11ª edição e apenas nas duas primeiras não contou com a participação de equipes femininas. Em 2018, estavam inscritas, inicialmente, cerca de 350 atletas, divididas entre 18 times nas categorias Ouro e Prata. 'Além de ser uma oportunidade para mulheres jogarem é também também uma questão de valorização delas e do esporte. Elas levam as amigas, a família e os filhos ao ginásio. No fim, se torna um ambiente mais familiar, já que maridos e namorados também jogam', destaca.

Participante assídua da Copa Monte há cerca de cinco anos, Jéssica Mai Neiland, de 23 anos, já jogou por diversos times. Ala direita, neste ano defendeu o time QVS, mas já atuou também por ATAFF, SUBTO e SBC.
Apaixonada pelo esporte, Jéssica diz que o sentimento só cresce. 'Jogo futsal desde os nove anos e não consigo imaginar minha vida sem jogar. Além de fazer bem para saúde física e mental, dá para reunir amigos, enfim, futsal é vida. E graças aos organizadores da Copa Monte, temos essa competição bacana na cidade.'

Depois da Copa Monte de Futsal, que está na fase semifinal com jogos nos dias 15, 18, 22 e 25 de maio, a expectativa é pela Taça Coopeva. Nesta competição, a estimativa é contar com 22 equipes femininas. Será mais uma oportunidade de ver meninas e mulheres mostrando sua categoria nas quadras de futsal. A Taça Coopeva ocorre entre julho e dezembro, com jogos nas segundas e sextas-feiras, além de alguns feriados.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais