De Punta del Diablo a Punta del Este: roadtrip entre amigos para alguns dos destinos mais famosos do Uruguai

Viagem por: Ana Flávia Hantt em: 14/07/2017 | 09:00

Uma viagem de carro, divertida, e com bom custo-benefício. Esse foi o objetivo principal dos casais de amigos, Anderson e Andressa Malmann, e Daniela Andrade e Vinícius Xavier, ao pegarem a estrada em direção a alguns dos destinos mais famosos do Uruguai.

Depois de cruzarem o Rio Grande do Sul em direção ao país vizinho, a primeira parada da aventura foi em Punta del Diablo. Andressa conta que essa é uma cidade simples, que valoriza muito a natureza, e que por estar em baixa temporada no momento da viagem, contava com baixo fluxo de pessoas. 'Ficamos hospedados em uma pousada chamada Los Pecados de la Viuda, e apesar de ser pequenininha e simples, ficamos apaixonados por ela. Tudo era muito lindinho, e nos arrependemos de não ter ficado mais do que uma noite lá', conta.

Foto: Arquivo Pessoal / Folha do MateO nascer do sol em Punta del Diablo e o por do sol em Punta del Este, no mesmo dia, foi uma das atrações da viagem
O nascer do sol em Punta del Diablo e o por do sol em Punta del Este, no mesmo dia, foi uma das atrações da viagem

A estrutura da pousada, aliás, foi imprescindível para a estadia na cidade. Andressa conta que Punta del Diablo é muito simples, com supermercados que mais parecem tendas, sem opções para comer à noite, com muito chão batido e pouco asfalto. Por isso, a melhor opção foi comprar itens para as refeições, e cozinhá-las na própria pousada. 'Na baixa temporada, a cidade tem uma vibe para descansar, relaxar, com mar lindo, praia linda', define.

No dia de partida de Punta del Diablo, o grupo de amigos acordou ainda na madrugada, para assistir ao nascer do sol, um dos cartões postais do lugar. 'Estava muito frio, mas valeu a pena, é realmente muito bonito', enfatiza Andressa.

Foto: Arquivo Pessoal / Folha do MateAndressa e Anderson prestigiaram o nascer do sol em Punta del Diablo
Andressa e Anderson prestigiaram o nascer do sol em Punta del Diablo

De volta à estrada, e a caminho de Punta del Este, os casais fizeram uma parada para o almoço em Pueblo Garzon, uma cidade famosa pela produção de azeite de oliva, além de possuir um hotel e restaurante do famoso chef argentino Francis Mallmann. O local, apelidado também como 'cidade fantasma', desde que uma antiga estação férrea foi desativada, há 50 anos, faz jus ao título. Andressa conta que no caminho, demoraram a encontrar pessoas para pedir por informações, e mesmo quando encontravam casas abertas, chamavam pelos donos, mas ninguém atendia. 'Isso mostrou a segurança do lugar. As pessoas saíam de casa e deixavam tudo aberto, sem preocupação', comenta.

Foto: Arquivo Pessoal / Folha do MateO grupo de amigos na Casapueblo, em Punta del Este
O grupo de amigos na Casapueblo, em Punta del Este
Foto: Arquivo Pessoal / Folha do MateO fotogênico monumento Los Dedos
O fotogênico monumento Los Dedos
Foto: Arquivo Pessoal / Folha do MateUma das grutas encontradas na aventura de bike por Punta del Este
Uma das grutas encontradas na aventura de bike por Punta del Este

Ainda neste dia, o grupo chegou ao seu destino final, Puntal del Este. E após passar por duas pacatas cidadezinhas, perceberam a diferença para o famoso balneário uruguaio, que conta com boa infraestrutura, muitos prédios, hotéis, bares e restaurantes, além de trânsito mais intenso. No local, aproveitaram para conhecer pontos turísticos, como o fotogênico monumento Los Dedos, além de visitarem a Casapueblo, onde puderam conhecer mais sobre a cultura local.

Alugamos bicicletas no próprio hotel, e fomos pedalando pela praia, cerca de 20 quilômetros. Foi uma aventura. Vimos grutas, enseadas, subimos morros, e em um deles, fomos atacados por mosquitos. Foi até meio assustador', diverte-se Andressa.

Foi em Punta del Este ainda, que os amigos assistiram ao por do sol, no mesmo dia em que já haviam assistido ao nascer do sol em Punta del Diablo. 'Nos programamos para isso, e foi a parte mais bonita da viagem'. Na cidade, também aproveitaram para visitar o restaurante Isidora, no qual puderam apreciar a gastronomia oferecida.

Finalizando a viagem, o grupo deixou a volta para casa como um momento para fazer compras nos free shops localizados no Chuí. Vinhos e azeite do oliva, estão entre as principais pedidas dessa viagem.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais