Blog Tudo e Todas

Rotina, onde você está?

Viagem por: Ana Carolina Becker em: 06/04/2018 | 18:00  Atualizado: 05/04/2018 | 18:00

Parece que aqui o relógio não tem 24 horas, o tempo tem passado rápido demais. Ou estamos fazendo coisas que não nos exigiam tanto tempo antes quando se tinha a mãe por perto.

Desde que estou aqui, quase dois meses, muita coisa mudou. Centena de atividades começaram a fazer parte do meu dia, ocupações que me fizeram construir uma rotina totalmente diferente da que possuía no Brasil. Sem contar o número de horas que estou dormindo a menos, a quantidade de refeições diárias que não está sendo seguida de forma normal, nem os litros de água que precisam ser consumidos diariamente. Falando nisso, onde está a rotina?

Foto: Divulgação / Tudo & TodasHá aproximadamente dois meses em Portugal, Ana passou a conviver com uma rotina diferente do Brasil
Há aproximadamente dois meses em Portugal, Ana passou a conviver com uma rotina diferente do Brasil

 

***

Todos os dias são surpresa aqui, não estou falando apenas na rotina, mas a temperatura também. Você pode olhar pela janela quando acorda e ter um solzão lindo, mas quando sair para a aula, pode estar chovendo e ter um daqueles ventos de quebrar qualquer guarda-chuva. (Ainda não fui uma vítima, graças a Deus).

Sempre tive uma boa rotina no Brasil, mas manter ela normal por aqui não está sendo uma tarefa fácil. Talvez nem deva fazer isso porque cozinhar com as portuguesas é sempre uma diversão, elas gritam muito e costumam preparar as refeições em horários bem alternativos, então, é sempre um curinga estar na cozinha sozinha e evitar qualquer cheiro de fritura.

(Sim, elas fritam tudo. Sem contar que frequentam a academia todos os dias). Já tiveram dias em que fui pra cozinha de banho tomado e sai de lá cheirando a comida. Mas esse não é um problema, porque faz parte do jogo principal do intercâmbio o de aprender a conviver com pessoas diferentes de nós.

Alimentação

Foto: Divulgação / Tudo & TodasAna prAna prepara as refeições com a sua companheira de quartoepara as refeições com a sua companheira de quarto
Ana prepara as refeições com a sua companheira de quartoepara as refeições com a sua companheira de quarto

Algumas "porcarias" foram introduzidas na sua alimentação com sucesso. Eu sabia que isso ia acontecer, mas enquanto muitas coisas desnecessárias começaram a fazer parte dos meus hábitos alimentares, muitos novos e positivos entraram pra lista. Um exemplo é o brócolis e a cenoura, o que eu não era nada fã no Brasil.

Aqui costumamos cozinhar por dupla, ou seja, preparo almoços/jantares com a minha colega de quarto. Buscamos sempre fazer as compras e preparar as refeições juntas. Já que estamos com a estratégia de fazer comida para a semana para evitar o tráfego diário da cozinha.  

Nossos pratos preferidos são lentilha, frango, arroz, strogonoff e massa. As carnes de galinha e porco são mais 'em conta' por aqui, então, costumamos optar por refeições a base delas. O feijão não é nada parecido com o da minha mãe (saudades), por isso cozinhamos lentilha e sempre damos uma variada nos ingredientes de complemento. Na desta semana, por exemplo, colocamos bacon e batatas.

 

 

Lavar roupas

 

Foto: Divulgação / Tudo & TodasAs roupas na são lavadas na máquina uma vez por semana
As roupas claras devem ser lavadas a mão

Mesmo que não exista horário e dia para grande parte das coisas, para outras atividades, como lavar roupa possuímos dias fixos. Costumo lavar roupas nas terças-feiras juntamente com outras cinco brasileiras, como as máquinas de lavar e secar são grandes, juntamos bastante roupa e lavamos as peças escuras juntas. Assim também acaba ficando mais em conta as lavagens e secagens que custam cerca de três euros por vez. Não trouxe muitas peças claras e que exigem lavagem à mão, mas que necessitam disso, arremango as mangas e vou pro tanque lavar (Sim, nós fizemos isso com frequência aqui ou se não, arriscamos em ficar com algumas peças manchadas). Da mesma forma acontece com os calçados, eles não ficam limpos sempre, então, uma vez na semana é preciso dar uma geral neles.Uma das sortes que possuímos aqui, como estamos nas residências do Instituto Politécnico de Leiria, é a de que as lavanderias possibilitam a troca das roupas de cama e toalhas toda a semana sem custo.

Para quem optou (como eu) sair da zona de conforto e conhecer o novo, a experiência de ter que fazer tudo sozinha, é realmente incrível, acreditem. O conselho que dou é: Quem tem a oportunidade de viver uma vivência internacional longe de casa, faça isso! Não existe nada no mundo que pague conhecer novas pessoas de culturas diferentes, fazer tudo sozinha e ter que se redescobrir longe do lar doce lar.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais