Blog Tudo e Todas

Saiba como harmonizar vinhos para um jantar romântico de 'Dia dos Namorados'

Gastronomia por: Taiane Kussler em: 09/06/2018 | 10:00

O 'Dia dos Namorados' é uma data especial para ser comemorada a dois. Com as baixas temperaturas o clima se torna ainda mais romântico e aconchegante para desfrutar de momentos especiais ao lado da pessoa amada. Para deixar a noite do casal ainda mais especial, a dica é preparar um jantar à luz de velas, regado de um bom vinho acompanhado de um delicioso cardápio ~ um momento que vai ficar marcado para sempre ~. 

Foto: Divulgação / Tudo & TodasOs vinhos tintos são bem versáteis e combinam com pratos à base de carnes
Os vinhos tintos são bem versáteis e combinam com pratos à base de carnes

***

Para acertar na escolha, é preciso equilibrar os sabores na elaboração do prato e, além disso, saber qual é o vinho que deve harmonizar com a proposta. Com a descoberta de novas técnicas de cultivo, diferentes variedades de uvas vem sendo produzidas, ampliando assim, a cartela de opções de vinhos. São diferentes sabores, aromas, características de cor, acidez e corpo da bebida, que antes de harmonizá-las aos pratos é preciso manter o equilíbrio de sabores.

Se você está pensando em desfrutar daquele vinho especial que está reservado na adega, este é o momento oportuno. Para não comenter erros na combinação da bebida com o cardápio, selecionamos algumas dicas de harmonização ~para fazer com que o jantar de Dia dos Namorados seja ainda mais especial  ~. 

Vinho Tinto - sempre vão melhor com carnes, mas como são vários os tipos, os tintos são muito versáteis.

Tinto seco leve - carnes vermelhas fritas ou grelhadas, frango assado ou cozido, pizzas, bacalhau com molho e paella são ótimas pedidas;

Tinto seco encorpado - carnes assadas e queijos brancos, como o brie e o camembert caem bem;

Tinto leve - massas com molhos leves;

Tinto encorpado - queijos duros, como o provolone;

Tinto seco - massas com molho de tomate, ou com molho de ervas ou ainda com molho condimentado, além de queijos amarelos, como o parmesão e gouda, e frios em geral são combinações perfeitas;

Vinho Branco - os vinhos brancos, sejam eles jovens e frutados ou encorpados e fermentados, são melhores quando harmonizados com peixes e frutos do mar; e quase nunca combinam com comidas muito temperadas e carnes vermelhas.

Vinho Rosé - são ótimos com carnes magras grelhadas, frango assado, verduras gratinadas, massas italianas, charcutaria, entradas, tortilhas e omeletes. E não cai bem com peixes e mariscos cozido simples, peixes magros grelhados, carnes gordas e e queijos azuis,

Espumante - são flexíveis e vão bem com diversos pratos, mas a sua excelência se dá quando servidos como aperitivos, harmonizando muito bem com queijos de massa branca, como o Brie e o Camembert, peixes fumados (salmão), carnes gordas assadas (leitão, porco), aves assadas (frango, pato), entradas e aperitivos

Vinho do Porto - frutas secas, bolos, queijos azuis, sorvetes e sobremesas são boas combinações.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais