Blog Tudo e Todas

Saiba por que o casamento de Meghan e Harry é um marco na família real britânica

Entretenimento por: Taiane Kussler em: 18/05/2018 | 20:00

O casamento do príncipe Harry foge dos padrões conservadores da família real britânica. Desde que assumiu seu noivado com a atriz americana Meghan Markle, o príncipe quebrou paradigmas da monarquia britânica. A noiva não apresenta o mesmo perfil das mulheres que ingressaram na realeza por ser americana, divorciada e não pertencer à família nobre. Porém estes conceitos foram repaginados e, ao contrário do que já aconteceu no passado, pela primeira vez um membro da família real irá casar com uma mulher divorciada sem que isso gere uma crise institucional na monarquia britânica ou extrema rejeição pública.

No século 20, duas polêmicas movimentaram as notícias em torno da família real. O Rei Edward VIII teve que abdicar do trono para se casar com sua esposa Wallis Warfield. E o Príncipe Charles recebeu críticas durante décadas por sua relação com Camilla Parker-Bowles, com quem se casou apenas em 2005 - e que, mesmo no caso dele se tornar rei, jamais será coroada rainha.

Entenda o caso

O Rei Edward VIII nunca imaginaria que a paixão pela norte-americana Bessie Wallis Warfield e o posterior casamento real fosse trazer tantas consequências no sistema da monarquia britânica. A escolha amorosa de Edward, na década de 1930, gerou polêmica ao fugir dos padrões convencionais de casamento real, porque a socialite estava em seu segundo casamento quando conheceu o então Príncipe Edward.

Em 1916, Wallis casou-se com Earl Winfield Spencer, um aviador da Marinha dos Estados Unidos, mas o relacionamento teve fim em 1927. Pouco tempo depois, Wallis já estava envolvida com Ernest Aldrich Simpson, um executivo de transportes anglo-americano. O casamento dos dois foi realizado menos de um ano após o primeiro divórcio, mas não teve muito sucesso.

É a partir daí que surge a polêmica envolvendo a realeza. Devido a algumas crises conjugais, Wallis se envolveu amorosamente com o Príncipe Edward . A paixão foi tão forte que Edward fez questão de apresentá-la para sua mãe no Palácio de Buckingham ~ mesmo ela ainda sendo oficialmente casada ~. A decisão gerou atrito entre ele e o pai, o Rei George V, que teria reprovado o namoro, uma vez que, à época, pessoas divorciadas eram excluídas da corte.

Em consequência desta escolha amorosa, o Rei Edward VIII enfrentou muitas rejeições e polêmicas. Na década de 20, o rei teve que abdicar do trono para casa-se com Wallis.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais