Blog Tudo e Todas

Veja o que fazer em caso de queimadura de águas-vivas

Saúde por: Jéssica Bayer em: 05/01/2017 | 12:00

As águas-vivas, capazes de causar queimaduras e ardência na pele dos seres humanos, infestaram o mar gaúcho na temporada passada e já estão dando as caras novamente no Litoral Norte do estado. A presença de águas-vivas aumenta conforme a variação das correntes marítimas. Geralmente, elas são vistas no mar gaúcho porque vieram junto com a Corrente do Brasil, que vem do norte com águas mais aquecidas e limpas.

Se você for vítima de uma mãe d'água, não siga as crenças populares e jamais passe na queimadura urina, pasta de dente ou refrigenante - eles podem piorar a reação da queimadura. Então, o que fazer quando for queimado por uma água-viva? Nós conversamos com a dermatologista Francine Seibt e separamos estas dicas:

O que fazer caso for queimado:

> Lave abundantemente o local com água do mar ou água com sal.

> Em seguida, faça compressas com gazes (ou outro tecido de algodão) com esta mesma água. Imersão em água quente por 20 minutos também pode contribuir para a melhora.

> Se estiver com coceira e/ou dor, pode-se usar analgésicos e anti-alérgicos.

> Evite exposição solar na região afetada.

LEMBRE-SE: É sempre melhor fazer uma avaliação médica para que possa ser indicado o melhor tratamento, pois existem alguns tipos de água-vivas que podem ser bem perigosas.

O que não fazer caso for queimado:

> Não use água normal para limpar a região queimada, pois os nemotocistos (pequenos 'ferrões' que ficam na pele) podem liberar mais substâncias irritantes quando entram em contato com a água normal.

> Não se deve colocar pasta de dente, café, urina, amaciador de carne, refrigerante, babosa ou banha.

> Na dúvida, é muito melhor NÃO FAZER NADA do que fazer algo sem saber, pois a maioria das coisas que as pessoas acham que deve ser feita acaba, na verdade, piorando ainda mais a situação.

A dermatologista chama a atenção para o uso do vinagre. "Ele era usualmente indicado, porém isso mudou. Estudos mostraram que, na verdade, ele pode até agravar a reação, piorando a dor. O vinagre pode ser usado em acidentes por um tipo específico de água-viva - muito perigosa e encontrada na Austrália. De qualquer forma, dificilmente alguém vai conseguir identificar a espécie de água-viva no momento do acidente, então melhor nunca usar", alertou Francine.

Siga o Tudo & Todas nas redes sociais